Politica de Formação na TST

A empresa desenvolve uma política de formação que pretende responder eficazmente às exigências do serviço prestado ao cliente pelos seus colaboradores, sempre numa perspectiva de maior rigor e exigência.

Desta forma, os seus planos de formação anuais assentam essencialmente em duas modalidades de formação: formação profissional inicial, que respeita à formação de novos colaboradores, na sua maioria motoristas e formação profissional contínua, para todos os colaboradores, orientada para dar respostas ao objectivos estratégicos e da qualidade.

A formação profissional inicial, no caso dos motoristas, tem como objectivo a qualificação para o exercício das funções específicas do sector de transporte público rodoviário de passageiros, com conteúdos e parâmetros de acompanhamento e avaliação das acções desenvolvidos internamente, depois da obtenção da Carta de Condução (Serviço Público). Toda a formação inicial é complementada com um processo de integração na empresa, que envolve uma grande componente prática – aperfeiçoamento das técnicas de condução, aliado aos conceitos da Condução Económica e Defensiva.

A formação profissional contínua é maioritariamente desenvolvida na empresa, quer com recurso a um grupo de formadores internos com competências pedagógicas, fortemente empenhados no processo formativo, quer com formadores externos, em particular nas áreas comportamentais, onde se aposta na melhoria da Qualidade de Serviço junto do Cliente, devidamente orientada para os objectivos e cultura da empresa.

A empresa desenvolve também programas de actualização e aperfeiçoamento das equipas oficinais, como apoio técnico dos nossos fornecedores e de empresas de formação externa.